domingo, abril 01, 2012

Entardecer

Neste hora que entardece,
O meu coração entristece…
A minha alma arrefece...
E a minha mente esquece
Tudo aquilo que acontece.

Tudo desaparece,
Tudo ensurdece,
Mas até que tudo cesse,
Nada se esquece.
E como se no fim estivesse,
A mente enlouquece,
A alma escurece,
E o coração desvanece...

Nenhum comentário: