terça-feira, julho 24, 2012

Amor, quem és tu?

Amor, quem és tu?
Tenho o coração nu...
Nada é igual ao começo.
Já mal te reconheço,
Perdi o teu sorriso
Nas ruas da memória,
Sem qualquer aviso
Nesta triste história.

Amor, quem sou eu?
Só e abandonado,
Entregue ao triste Fado.
Nada do que tenho é meu,
O pouco que tinha levaste.
Será que me amaste?

O que é realmente o amor?
Será esta eterna dor?
Ou será que estou enganado?
Talvez nunca fui amado...